Clínica Dentária Especializada Oeiras
|
Marcações 214 415 606
|

Implante dentário: o que você precisa saber?

O implante dentário é uma técnica de reabilitação oral que permite a fixação de uma prótese dentária de forma permanente. Como traz mais segurança e as técnicas não param de evoluir, a preferência por esse modelo de tratamento aumenta a cada dia.

Qual é o momento ideal para colocar o implante?

O ideal é que o implante seja colocado no momento da perda de um dente. 
Se o paciente chega ao consultório com uma fratura ou quebra da raiz, que vai precisar ser extraída, nós optamos por, muitas vezes, no mesmo procedimento, fazer a extração e a colocação de implante.

Quais são os tipos de implante dentário?

Existem diferentes tipos de implantes dentários, e a indicação do mais adequado deve ser feita pelo cirurgião. São eles:

•Implante unitário
•Implante dois por três
•Carga imediata
•Prótese Protocolo Fixo
•Prótese overdenture

Como é o procedimento de fixar um implante dentário?

A fixação de um implante dentário envolve uma série de etapas que devem ser seguidas à risca para garantir o sucesso do procedimento. A gente conta o que acontece em cada uma e qual é a sua importância durante esse processo!

Fase pré-operatória

Antes de fazer a cirurgia, é preciso que o paciente faça alguns exames que são importantes para que o dentista tenha uma visão sobre a sua saúde bucal. Essa fase não pode ser negligenciada, pois costuma haver a necessidade de executar procedimentos adicionais antes da realização do implante. Veja quais são os principais exames solicitados pelos dentistas.

Exames laboratoriais
Os exames laboratoriais são aqueles necessários pra identificar se o paciente tem algum problema de saúde como anemia, dificuldade de coagulação sanguínea ou qualquer outra alteração que possa significar algum risco para o sucesso da cirurgia.
Dessa forma, caso seja necessário, o dentista recomendará o tratamento da enfermidade antes da realização do implante. Alguns dos exames que normalmente são solicitados são:
* hemograma;
* coagulograma;
* glicemia;
* eletrocardiograma para pacientes com problemas cardíacos.

Como é o pós-operatório?

Pós-operatório: O pós-operatório desta cirurgia é simples e feito em ambulatório (em casa). Na maioria dos casos o pós-operatório é equivalente a uma extração dentária e a maioria dos nossos pacientes recupera a sua vida normal no dia seguinte, obviamente seguindo as orientações dos nossos clínicos para cada caso.

Conheça nossos serviços, entre em contato conosco e faça sua marcação!

Pedido de Marcação de Consulta

Após pedido de agendamento, iremos confirmar por telefone a sua marcação.

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador.
Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.